Pertinência e Percurso

Home » Pertinência e Percurso

estrada-01

O Centro de Preservação da Fertilidade do Serviço de Medicina da Reprodução do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra, E.P.E. surge da importância de criar em Portugal um centro público que responda às necessidades reprodutivas de doentes que irão realizar tratamentos possivelmente comprometedores da sua função reprodutiva futura. Apesar da recolha, preservação e colheita de gâmetas masculinos já ser realizada em Portugal desde os anos 90, a preservação da fertilidade feminina, mais complexa, não era disponibilizada no âmbito do Serviço Nacional de Saúde.

Neste sentido, e acompanhando os avanços internacionais dos últimos anos nas técnicas de preservação da fertilidade feminina já indicados, tornou-se impreterível agir para tentar assegurar também a parentalidade biológica futura das doentes portuguesas.

O Centro de Preservação da Fertilidade, o único centro público do nosso país, iniciou a sua atividade em junho de 2010 e tem disponibilizado, desde então, aconselhamento reprodutivo a doentes de várias instituições do país que prestam cuidados oncológicos. De notar que em relação à preservação da fertilidade feminina, este é o único centro público, em que é disponibilizada a técnica de criopreservação de tecido ovárico.